Quarta, 30 de Setembro de 2020 03:50
77 99962-1243
Estadual ACORDO DE COOPERAÇÃO

Unale e Ministério assinam acordo para inserção da mulher na política

A existência de cotas para registro de candidatura tem propiciado elevar o número de candidatas, em contraponto, evidencia as dificuldades das brasileiras que ascenderam ao poder político.

02/09/2020 10h36
Por: Redação Fonte: Assessoria de Comunicação Gabinete deputada Ivana Bastos
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

A presidente da União Nacional dos Legisladores e Legislativos Estaduais (Unale), deputada Ivana Bastos, em cerimônia virtual, assinou um Acordo de Cooperação Técnica com o Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos (MMFDH), representado pela ministra Damares Alves. A ação realizada na última sexta-feira (28), tem como objetivo ampliar à inserção das mulheres na política bem como incentivar a participação feminina nas Eleições Municipais deste ano.

A medida que integra o projeto “Mais Mulheres na Política - Eleições 2020”, será desenvolvido através de uma ação conjunta entre Unale e  Governo Federal com a proposta da elaborar uma cartilha (que se chamará: Mais Mulheres no Poder), documento instrutivo, para oferecer às mulheres informações relevantes sobre o pleito municipalista deste ano e despertar nas mesmas o interesse em participar da política.

A presidente Ivana ressaltou a importância da participação feminina na política e destacou as dificuldades que enfrentou para entrar no campo político. "É nítido que nós, mulheres, temos dificuldades para sermos eleitas e fazer parte da dinâmica política. Mas a Unale tem reforçado em todos os estados, com ações e incentivo para implementação da Procuradoria da Mulher em todos as Casas Legislativas, a importância da participação feminina na política", disse.

Para a produção da cartilha, será seguido um cronograma de atividades pelos agentes cooperativos, com estabelecimento de metas e resultados sistematizados para envio à Secretaria Nacional de Políticas para as Mulheres (SNPM), que acompanhará todo o processo de produção da cartilha.

Ao final do evento virtual, a ministra Damares Alves, falou que "as mulheres são fortes, determinadas, capacitadas e qualificadas e, por isso, precisam ocupar os diversos segmentos da sociedade e, especialmente, o processo político. Precisamos garantir o nosso espaço."

Mulheres na política

O Brasil é um dos países com os menores índices de representatividade legislativa feminina na América Latina. A participação feminina na política é vinculada à inserção das mulheres  na vida pública em geral.

A existência de cotas para registro de candidatura tem propiciado elevar o número de candidatas, em contraponto, evidencia as dificuldades das brasileiras que ascenderam ao poder político.

É preciso modificar essa realidade e tornar o processo eleitoral igualitário e com participação ativa dos gêneros masculinos e femininos.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Guanambi - BA
Atualizado às 03h48 - Fonte: Climatempo
24°
Poucas nuvens

Mín. 17° Máx. 28°

24° Sensação
6 km/h Vento
60% Umidade do ar
0% (0mm) Chance de chuva
Amanhã (01/10)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 16° Máx. 28°

Sol com algumas nuvens
Sexta (02/10)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 17° Máx. 29°

Sol com algumas nuvens
Anúncio