Sábado, 17 de Abril de 2021 01:36
77 99962-1243
Local MEDIDA DE PROTEÇÃO

Após notificação da Vigilância Sanitária de Guanambi, bancos começam a implantar estrutura externa; horário do autoatendimento é ampliado

O Ministério Público Estadual (MP-BA), por meio da 1ª, 4ª e 5ª promotorias de justiça de Guanambi, recomendou nesta terça-feira (2), que os gerentes das agências bancárias de Guanambi atendam as exigências do decreto municipal.

04/03/2021 10h41 Atualizada há 1 mês
Por: Redação Fonte: Ascom
Fotos: Divulgação
Fotos: Divulgação

Em publicação na última sexta-feira (26), do Decreto nº 173, com novas medidas temporárias e emergenciais para conter a propagação da Covid-19 na cidade, o mesmo determinava que às instituições financeiras, a obrigatoriedade de disponibilização de estrutura material externa, consistente em cadeiras, toldos para cobertura, gradis, sinalização, além das medidas sanitárias pertinentes 

Diante do descumprimento pelos bancos, a Vigilância Sanitária de Guanambi notificou as instituições nesta segunda-feira (1), para que providenciassem imediatamente o atendimento do Decreto, sob o risco de aplicação de sanções mais graves. Na tarde desta quarta-feira (3), duas instituições começaram a montar as estruturas exigidas. 

Ampliação do horário do autoatendimento 

Decreto publicado no Diário Oficial nesta quarta-feira (3), altera a redação do Decreto 173 e amplia o horário dos serviços bancários em autoatendimento, que agora serão realizados das 7h às 19h30, exclusivamente nos terminais eletrônicos das agências, ficando obrigatório o monitoramento de controle de fluxo de pessoas, a fim de evitar aglomeração nesses terminais eletrônicos, podendo ainda a agência manter trabalho interno sem atendimento ao público no interior das instituições. 

MP recomenda atendimento do Decreto Municipal 

O Ministério Público Estadual (MP-BA), por meio da 1ª, 4ª e 5ª promotorias de justiça de Guanambi, recomendou nesta terça-feira (2), que os gerentes das agências bancárias de Guanambi atendam as exigências do decreto municipal. 

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.